Um milhão e seiscentas mil pessoas (Monsters of Rock 1991 Moscou)

O início da década de 90 foi o cenário de um dos acontecimentos mais importantes do século vinte. Naqueles anos a cortina de ferro europeia entrava em colapso, e o muro de Berlin jazia em pedaços no chão da Alemanha unificada, era o fim de 74 anos de regime comunista na gigante União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS). Em dezembro de 1991, quinze repúblicas que compunham a URSS declaravam sua independência e com isso declaravam também o fim de uma trajetória que ajudou a legar a humanidade uma guerra “sem tiros”, e a divisão do mundo em dois blocos políticos – socialista e capitalista – por quase 50 anos.

Uma das melhores versões do Festival realizada em Moscow – Rússia, para um público de mais de 1.600.000 pessoas. Sobre forte repressão militar(isso é bem explicíto no video!) o público teve a oportunidade de assistir shows memoráveis.
Local : Russia
Onde : Moscow – Tushino Airfield
Quando : 28 de Setembro de 1991
    * AC/DC
    * Metallica
    * The Black Crowes
    * E.S.T.
    * Pantera
Loucura total, me lembro de assistir a algumas partes desse show na época que a MTV não era uma emissora de pagode, funk e outros bichos. Coisa absurda a multidão, e tentativa do exército de parar o avanço da massa. No vídeo abaixo do Pantera o exército tentando esfriar a massa que avançava. Phil Anselmo, líder do Pantera, primeira banda a subir no palco naquele dia, resumiu bem o que era estar cantando naquele festival, “Isso é outro sonho, é incrível tocar em um show como esse”, e era mesmo; era uma banda americana, cantando rock, em um país que estava saindo de um regime, que de socialista só tinha o nome. O Pantera não seria a única banda americana a estar ali, e o rock, que na ocasião poderia ser reconhecida como um símbolo do “capitalismo”, estava sendo ecoada em um local que serviu para demonstrações da força aérea soviética.Vale a pena ver o vídeo.

Já na apresentação do Metallica, a coisa estava perdida, soldados, oficiais todos já como parte da multidão curtindo junto. A noite já caia sobre o Tushina Airfield quando o Metallica abriu seu show com “Enter Sandman”, levando o público a transformar sentimento em canto, em punhos erguidos, mas não para a violência.

AC/DC o bicho pegou, nem dá pra falar muito, só tem que cuidar pra nenhum Argentino ver esse vídeo, e falar que o show do AC/DC no estádio do River eles colocaram 1.600.001. Sabe como são os hermanos. Os canhões no fim de For Those About to Rock, marcava o fim de um show que com certeza ficará na história.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s